quarta-feira, 24 de agosto de 2016

Bilbo

Bilbo Baggins versão cinema.

Este foi o nome do herói de "O Hobbit" (1937), criado por J.R.R Tolkien. Seu nome, a princípio era Bilba", mas foi alterado com o tempo por Tolkien para utilizar um final mais masculino. Tolkien nunca disse o significado de "Bilbo". Nos livros, incluindo "The Lord of Rings" (O senhor dos anéis), ele foi recrutado pelo mago Galdalf, o cinzento, para se juntar a uma missão a fim de retomar o Monte Erebor do dragão Smaug.

Uma pessoa extremamente fã de Tolkien - livros, filmes, personagens e etc.- poderia talvez usar Bilbo e depois chamar a criança de Bil? Bem, é uma possibilidade. Depois que eu, visualizando despreocupadamente a lista da Arpen/SP e encontrei 1 registro de Gandalf, nada mais me surpreenderia em relação a "nomes de personagens". 

O problema de Bilbo - apesar de ser um nome literário e eu sabidamente adorar nomes literários - é que lembra "bulbo" (da planta), se bem que isso não é um problema tão grande. O que pode haver de mal em um bulbo? Diferente de Frodo, por exemplo, que lembra uma palavra nada bonita. 

Evidentemente, não necessariamente você precisa ler esse post e considerar Bilbo para um ser humano: você pode considerar para um animalzinho de estimação. Acho que ficaria perfeito naqueles cachorrinhos de pequeno porte que são mais corajosos que os grandões! Ou um gato. Um papagaio. Enfim. 

Eu não tenho notícia de um Bilbo na vida real, embora acredite que sendo o mundo tão imenso, em algum lugar há de existir. Galadriel, por exemplo, já vi várias. 

Você teria coragem de usar o nome de seu personagem favorito em um bebê?