terça-feira, 21 de junho de 2016

Luigi




.
Luigi é uma variação de Luís, a partir da mesma raiz em Chlodovech, que significa, basicamente, guerreiro glorioso, a partir da junção dos elementos "hlot, hlut" (famoso, ilustre, célebre) e wig (guerreiro). Luís é um nome muito utilizado na língua portuguesa, e acaba sendo um coringa para vários compostos, como podemos ver nos mais registrados da lista de São Paulo: Luiz Miguel (885) e Luís Miguel (110), Luiz Gustavo (712) e Luís Gustavo (95), Luiz Felipe (518) e Luís Felipe (83), Luiz Henrique (698) e Luís Henrique (74), Luiz Fernando (445) e Luís Fernando (65).

Em se tratando de Luiz, os brasileiros definitivamente preferem a versão de grafia com Z e sem acento. Já Luigi é a sua variante italiana, que não é muito usado por aqui, mesmos sendo bastante familiar aos ouvidos dos brasileiros. O ator Luigi Baricelli é um representante do nome bem conhecido em todo o Brasil, famoso por vários papeis na TV brasileira. É um nome italiano um pouco mais complicado pois a pronúncia não é com g e sim com "d": "Luidi".

Ele ficou muito conhecido em todo o mundo através do jogo de vídeo game (da década de 80) Super Mário Bross, que virou série de desenho animado. Luigi era o irmão do Mário, e até hoje esse personagem não perdeu a influência.

Os nomes italianos são em geral, muito apreciados por brasileiros, e Luigi ainda acumula mais algumas qualidades como ser um nome curto e moderninho, sonoridade equilibrada e grafia esteticamente limpa e bonita. No ranking dos nomes mais usados, Enzo e Pietro, que são dois nomes italianos estão entre os mais usados e que mais cresceram. Há algum tempo, Giovanni também teve seus tempos de glória no Brasil. Como esses ficaram muito banais, Luigi pode ser uma excelente alternativa. Além disso, Luigi não parece um nome tão infantilizado como Enzo, por exemplo, ou seja, é um nome que acompanha o crescimento da criança. 

Em São Paulo (Arpen/2015) foram registrados 224 meninos chamados Luigi: não chega a ser popular, mas é bem expressiva a quantidade de registros. Como não podia deixar de acontecer no Brasil - graças à insistente indiferença dos cartórios em relação à grafias erradas - foram registrados 6 meninos chamados Luidi. 


Na Italia, são consideradas variantes Luigino, para homem, e Luigia, para mulher, além do uso de compostos Gianluigi ou Pierluigi. É um dos nomes mais usados ​​em Itália: a estimativa de 1982 indicou que 875.000 italianos foram chamados assim e de acordo com estudos em 2000, baseado em dados coletados de usuários de telefonia, é o sexto primeiro nome masculino mais comum na Itália no século XX.




.