domingo, 12 de junho de 2016

Dimas

.

Dimas é a forma espanhola e portuguesa de Dismas, derivado do grego δυσμη (dysme) que significa "pôr do sol". Entretanto, essa origem e significado é atribuído, de modo que pode não ser correto. Este é o nome tradicionalmente dado ao ladrão arrependido que foi crucificado ao lado de Jesus.

Acredita-se que esse era o nome do ladrão que foi crucificado ao lado de Jesus Cristo, e é conhecido como o “bom ladrão”, segundo o Evangelho apócrifo de Nicodemos. São Dimas é, portanto, o protetor dos presos e das penitenciárias.

Na Bíblia o nome do bom ladrão não aparece. Ele expressa a crença de que Jesus "virá no reino de Deus", e ele pede que, nesse dia, Jesus se lembre dele:


«39 Então um dos malfeitores que estavam pendurados, blasfemava dele, dizendo: Não és tu o Cristo? salva-te a ti mesmo e a nós. 40 Respondendo, porém, o outro, repreendia-o, dizendo: Nem ao menos temes a Deus, estando na mesma condenação? 41 E nós, na verdade, com justiça; porque recebemos o que os nossos feitos merecem; mas este nenhum mal fez. 42 Então disse: Jesus, lembra-te de mim, quando entrares no teu reino. 43 Respondeu-lhe Jesus: Em verdade te digo que hoje estarás comigo no paraíso.» (Lucas 23:39-43)

Na versão grega do pseudoepígrafo Evangelho de Nicodemos (apócrifo, do século IV), o nome aparece pela primeira vez. Na versão latina do Evangelho de Nicodemos, também conhecida como Atos de Pilatos, o nome do segundo ladrão também é dado - Gestas. No Evangelho Árabe da Infância de Jesus (apócrifo, do século VI), o menino Jesus encontra os dois ladrões, Tito e Dumachus, e prevê que, depois de trinta anos eles serão crucificados com ele. Na tradição da Igreja Ortodoxa Russa o nome do bom ladrão é Rakh.

Em mitologia grega, Dimas ou Dimante é o nome atribuído a pelo menos quatro indivíduos.

1)        O primeiro Dimas foi um rei frígio e pai de Hécuba (também chamada Hécabe), esposa de Rei Príamo de Troia. Segundo Homero também sabe-se que Rei Dimas teve um filho nomeado Ásio, que lutou (e morreu) durante a Guerra de Troia -- a não ser confundido com seu homônimo, Ásio filho de Hírtaco, que também lutou (e morreu) perante Troia. Os escolásticos creditam Dimas com um outro filho, nomeado Otreu, que combateu as Amazonas uma geração antes da Guerra de Troia. O pai de Dimas frígio é dado como um Eoneu, filho de Proteu, por alguns antigos mitógrafos (escolásticos de Eurípides). A esposa de Dimas é dada como Eunoé, uma filha do deus-rio Sangário. De fato, Dimas e seus súditos frígios estão proximamente ligados ao rio Sangário, que deságua no Mar Negro. A etimologia do nome Dimas é obscura, embora provavelmente seja não-helênico. Qualquer semelhança ao nome Midas, outro rei mítico da Frígia, pode ser completamente coincidente.

2)        O segundo Dimas foi talvez o mesmo que o primeiro. De acordo com Quinto de Esmirna esse Dimas foi o pai de Méges, um troiano cujos filhos lutaram em Troia.

3)        O terceiro Dimas foi um dórico e o ancestral dos Dímanos. Seu pai, Egímio, adotou o filho de Héracles, Hilo. Dimas e seu irmão, Pânfilo, submeteram-se a Hilo.

4)        O quarto Dimas é mencionado na Odisseia de Homero como um capitão fenício, cuja filha era uma amiga da princesa Nausícaa.

Na Wikipédia italiana, apresenta-se as variações Dismo, Dimmo, Dimma, Dima, Dimo. E em outras versões, apresenta: Dysmas (grego bíblico), Dyzma (polonês) e Dismas (inglês).

O dia de festa é celebrada no dia 25 de março, em memória do referido São Dimas. Na lista da Arpen/SP do ano de 2015, Dimas aparece com 24 registros, e 17 no ano anterior. Também registraram 1 menino chamado Dymas, em 2015.

Algumas referências:

Dimas Delgado, jogador de futebol espanhol;
Dyzma Gałaj, político polonês;
Dimas Ponce, jogador de beisebol do Panamá;
Dimas Teixeira, jogador de futebol Português;
Jan Dismas Zelenka, compositor checo;


Além desses:

Dom Dimas Lara Barbosa (Boa Esperança, 1 de abril de 1956) é um bispo católico, atual arcebispo metropolitano da Arquidiocese de Campo Grande.

Dimas Manuel Marques Teixeira (Joanesburgo, África do Sul, 16 de Fevereiro de 1969) conhecido no mundo do futebol por “Dimas” foi um antigo jogador de futebol português. Jogava como defesa esquerdo.

O suposto santo bíblico deu nome à duas cidades: San Dimas (Califórnia), uma cidade no estado da Califórnia, nos Estados Unidos e San Dimas (Durango), um município mexicano


.