terça-feira, 26 de abril de 2016

Adonias

.

Adonias é a forma grega masculina de um nome hebraico, grafado como Adoniyah, uma vez que aparece pela primeira vez na Septuaginta. Segundo o Behind The Name, significa “meu Deus é o senhor” ou “Yahweh é o senhor”, na língua hebraica. Este nome é registrado na Bíblia como pertencendo à pelo menos três pessoas diferentes.

Primeiro, segundo o livro bíblico de Samuel 3:4, Adonias era o quarto filho de Davi com Hagite. Ele tinha dois irmãos mais velhos, Amnon e Absalão. Após a morte deles, Adonias seria o herdeiro do trono em Jerusalém, capital do antigo reino de Israel. Mas no fim das contas, o herdeiro do trono acabou sendo Salomão.

Segundo, no livro de Crônicas 17:08, Adonias foi um levita, que durante o reinado de Jeosafá, foi escolhido por príncipes judeus para ensinar o Livro da Lei aos habitantes do Reino de Judá.

E terceiro, no livro de Neemias 10:16, Adonias foi um dos chefes do povo judeu, após o cativeiro da Babilônia, nos dias de Neemias e Esdras.

A semelhança com Adônis, o nome do deus grego, não é mera coincidência. Adônis vem da palavra semita “Adonai”, que significa “senhor”. No mito grego, Adônis foi um jovem muito bonito, o qual era amado por Afrodite, que é morto enquanto caçava um javali. A pedido de Afrodite, Zeus permitiu que ele fosse devolvido à vida por alguns meses do ano. Os gregos pegaram esse personagem emprestado das tradições semitas, daí a origem semita do nome. As festas realizadas em honra à Adônis, na Grécia, eram chamadas de Adonias.

Em São Paulo, no ano de 2015, foram apenas dois registros do nome Adonias (Arpen/SP). Sendo assim, Adonias se constitui em um nome bastante raro, incomum, e tem duas características frequentemente buscadas pelos pais nos dias de hoje: é bíblico e tem um significado religioso que remete para Deus.

Uma das principais figuras brasileiras com esse nome é Adonias Filho, escritor baiano, imortal da Academia Brasileira de Letras. 



.