quarta-feira, 4 de novembro de 2015

Ângelo

.
Ângelo é a forma italiana de Angelus, do latim, que servia para designar a criatura celestial conhecida como "anjo" em português, sendo que a própria palavra anjo deriva da palavra grega αγγελος (angelos), que significa "mensageiro".

Este nome foi razoavelmente comum em determinadas gerações, e nunca foi totalmente abandonado. Angelle pode ser considerado uma variante inglesa, enquanto a forma feminina é Ângela, e por vezes, Angel. Em outras línguas, há várias versões: 

Deangelo (Africano americano), Aingeru (basco), Angel (Catalão), Anđelko, Anđelo (croata), Anděl (Checo), Anxo (Galego), Angelos (grego), Angelo, Angelino (italiano), Angelus (latim), Ángel, Angelino (Espanhol).

Em São Paulo, de acordo com dados da Arpen/SP de 2014, foram registrados 50 meninos com o nome Ângelo (com acento) e 210 com o nome Angelo (sem acento). Os brasileiros, conforme as nossas pesquisas, têm demonstrado interesse especial nos nomes sem acentuação, provavelmente, pela questão da internacionalidade. 

Já em Portugal, levando em conta todos os nascimentos do ano de 2014, foram registrados 55 meninos com o nome Ângelo. Dois meninos em Portugal foram registrados como Angelo, sem acento. 


Considerando o número de registros, Ângelo é um nome que hoje em dia é raro em bebês, mas bastante conhecido por todas as pessoas. É um daqueles nomes que, sem ser muito popular, consegue agradar a maioria das pessoas e não gera narizes torcidos. 



By



.