segunda-feira, 17 de agosto de 2015

Eponine

eponine baby name les miserables
Eponine, no filme Os Miseráveis interpretada por Samantha Barks

O nome Eponine foi usado por Victor Hugo em sua obra “Os miseráveis” (1862), para uma das filhas dos Thenardiers. Ao longo do livro, menciona-se que sua mãe tira seu nome de um romance. Faz parte da categoria de nomes “inventados” para a literatura, ou pelo menos acredita-se que tenha sido inventado, pois passou a ser conhecido depois do romance. Aparentemente, Victor Hugo inspirou-se na deusa celta dos cavalos, Epona, cujo nome deriva da palavra “epos”, que em gaulês quer dizer “cavalo”.

Epona, na religião galesa-romana era uma protetora de cavalos, burros e mulas. Era particularmente uma das deusas da fertilidade, como sugerido pela presença de alguns elementos – como pequenos potros – e também uma das deusas responsáveis pela condução da alma para o além-túmulo, em paralelo aos deuses Rhiannon e Mabinogion.

A importância história da deusa Epona é grande: basicamente, foi a única deusa celta cultuada em Roma. Era conhecida entre os romanos como “a Grande Égua”. Talvez, se Epona significa “cavalo”, a junção do sufixo “ine” ao final transforme o significado em “cavalinho”.

Há uma outra teoria de que o nome Epponina – a forma como os italianos se referiam a Empona, a esposa de Julius Sabino - teria sido afrancesado por Victor Hugo, e transformado em Eponine. Eles teriam se rebelado contra o Império Romano e aparentemente é venerada como Santa Eponina (Saint Eponine). Sua história é contada pelo filósofo grego Plutarco de Chaeronea, em sua coleção de histórias de amor, o “Eroticus”. O nome dela era Empona em gaulês, que pode ser traduzido para o grego como Heroine.

Ela era uma mulher virtuosa que simbolizou o patriotismo, e escolheu morrer com o marido quando ele foi capturado. É importante lembrar que Azelma, a outra irmã Thenardier também tem o nome derivado de outra esposa leal em tempos de guerra. Na verdade, é de supor que Victor Hugo não gosta de nomes tradicionais.

De qualquer modo, é um nome que para mim soa bonito e tem uma boa história em torno dele. Embora o personagem de “Os Miseráveis” tenha uma história um pouco trágica – ela começa tendo uma vida confortável mas logo é forçada a mendicância e a prostituição depois que sua família vai à falência – e desilusões amorosas – já que Marius Pontmercy é apaixonado por Cosette, a quem a família de Eponine maltratou cruelmente mas que floresce como uma bela jovem bem educada. Marius só lhe dá valor quando ela sacrifica sua vida por ele.

A nova filmagem de “Os Miseráveis”, com Samantha Barks no papel de Eponine, vários tópicos surgiram nos fóruns sobre nomes próprios, especialmente dos Estados Unidos. As pessoas ficaram curiosas em pesquisar sobre o nome e debates ocorreram em torno de usá-lo como nome próprio ou não. De qualquer modo, Eponine, Epona ou Eponina nunca foram usados de modo a serem razoavelmente conhecidos em nenhum lugar do mundo.

Eponine é um ótimo nome para quem tem ligações com os animais, com  a natureza e gosta especificamente de cavalos. Também, para os amantes da literatura clássica e fãs de “Les Miserables” é um excelente nome para batizar uma filha.

Vejo como uma ótima alternativa aos nomes tradicionalmente usados e já cansados. Como o próprio Victor Hugo mencionou, é necessário fazer “uma anarquia de nomes próprios”.



By




.