domingo, 26 de julho de 2015

Fabrícia & Fabrizia




Fabrícia é a forma italiana feminina de Fabricius, e também pode ser encontrado na variante Fabrizia. Trata-se de um nome derivado de um sobrenome – nome de família – romano Fabricius, que originou-se do latim “Faber”, ou seja, “artesão”.

Da mesma etimologia originam-se as palavras fábrica e fabricante. Caius Fabricius Luscinus foi um general e estadista romano.

O nome é bastante utilizado no Brasil na sua forma masculina, mas é raríssimo em sua forma feminina. É extremamente difícil encontrar qualquer referência nos mecanismos usuais de pesquisa a respeito deste nome.

Fabrizia é uma comuna italiana da região da Calábria (Itália), província de Vibo Valentia, com cerca de 2.689 habitantes. Sendo assim, pode ser considerado um  nome geográfico.


No Brasil, existe uma cantora chamada Fabrícia que está a frente de uma banda chamada “Fabrícia & Banda”. Uma busca pelo Google resgata várias mulheres chamadas Fabrícia em vários ramos de atuação, inclusive no ramo acadêmico, trabalho, música, etc. No Facebook também não são poucas as Fabrícias brasileiras que são facilmente encontradas. 

Gosto do nome justamente por parecer raro e exótico. Esteve no topo da minha lista durante muito tempo, junto com Paloma e Leonarda, depois acabou sendo substituído conforme minhas pesquisas foram evoluindo.

Acredito que trata-se de uma ótima alternativa para quem quer escolher um nome incomum e poderoso, mas ao mesmo tempo, receia que possa ser demasiado estranho. Como todo mundo conhece a variante masculina, acho difícil que o ar de estranhamento seja além dos níveis normais. 

Sendo assim, adoraria conhecer uma bebê chamada Fabrícia, ou quem sabe Fabrizia para quem gosta do som do Z. 




By



.