quinta-feira, 21 de maio de 2015

Caetana

Foto: Caetana Santos, modelo (Fonte: 
http://modelocaetana.blogspot.com.br/2013_02_01_archive.html)


Caetana é a forma feminina portuguesa de Gaetana (usado majoritariamente na Itália) e Gaetane (sua versão francesa), que por sua vez são formas femininas do nome Gaetano/Caetano.

Quanto à sua popularidade, Caetana é raro e exclusivo: nenhum registro nas duas últimas listas da Arpen/SP (2014 e 2015). Os habitantes de Portugal é que tem tomado gosto por esse nome, já que num universo de poucos nascimentos - se comparado ao Brasil - Caetana obteve 64 registros em 2015. 

Significado: Forma italiana do nome latino Caietanus, o que significava "a partir de Caieta" ou “De Caieta”. Agora chamada de Gaeta, essa era uma cidade antiga na Itália, e a origem do nome tem duas possíveis versões: de “Kaiadas”, o nome de uma localidade grega onde prisioneiros foram executados, ou então a partir de Caieta, o nome da enfermeira de Enéias. São Caetano foi um santo do Século 16, e pode explicar o uso desse nome na Europa e também na América a partir desse período da História.

Além das formas femininas Caetana/ Gaetana/ Gaetane, as versões masculinas são bem mais abrangentes em outros idiomas: Kajetan (Checo), Gaetan, Gaetan (francês), Kayetan (alemão), Kajetan (húngaro), Caietanus (latim), Kajetan (polonês), Kajetan (eslovaco) e Cayetano (Espanhol).

Personalidades e personagens famosos

Caetana Garcia, conhecida como Dona Caetana, foi a esposa do líder da Revolução Farroupilha (Rio Grande do Sul, Brasil, 1835-1845), Bento Gonçalves. Nascida no Uruguai, filha de um espanhol e de uma gaúcha, Caetana se tornou famosa em vários romances históricos:

- “Os varões assinalados”, de Tabajara Ruas;

- “A Guerra dos Farrapos”, de Alcy Cheuchi;

- “A Casa das Sete Mulheres” e “Um Farol no Pampa” , de  Letícia Wierzchowski.

A personagem ficou ainda mais conhecida quando interpretada por Eliane Giardini minissérie da Rede Globo, “A Casa das Sete Mulheres” (baseada no livro supracitado) em 2003.

Comentários

Caetana é um daqueles nomes que é – em termos de Brasil – bem menos usado do que a sua versão masculina, Caetano. Talvez por isso, em um primeiro contato, cause estranheza e até rejeição, especialmente por parte de quem gosta de nomes femininos mais delicados ou populares. No entanto, é um nome forte sem ser agressivo, com personalidade sem ser pesado, antigo sem ser ultrapassado, exclusivo sem ser bizarro.

Apesar disso, dificilmente alcançará posições principais no ranking de nomes mais usados no Brasil, por isso oferece garantia de exclusividade. Pais que se importam com esse requisito não precisam preocupar-se com a possibilidade do nome se tornar demasiadamente democratizado em bebês nascidos nessa geração.

É um nome que reflete um gosto refinado e elegante, um modo de pensar diferenciado. Acrescentaria que Caetana está numa espécie de “elite” de nomes, aqueles que são elegantes, originais e apreciados por um público com determinado nível de bom gosto. Pelo fato de ser forte, transmite segurança e independência: este pode ser um ponto positivo no futuro de uma criança batizada com este nome.

Mais...

Música

O nome encontra-se também na música: A Doce Canção de Caetana, de Fagner, também é uma inspiração.

Poesia

A Moça Caetana - A Morte Sertaneja
Ariano Suassuna



Eu vi a Morte, a moça Caetana,
com o Manto negro, rubro e amarelo.
Vi o inocente olhar, puro e perverso,
e os dentes de Coral da desumana.

Eu vi o Estrago, o bote, o ardor cruel,
os peitos fascinantes e esquisitos.
Na mão direita, a Cobra cascavel,
e na esquerda a Coral, rubi maldito.

Na fronte, uma coroa e o Gavião.
Nas espáduas, as Asas deslumbrantes
que, rufiando nas pedras do Sertão,

pairavam sobre Urtigas causticantes,
caules de prata, espinhos estrelados
e os cachos do meu Sangue iluminado.


By












Atualização em 16.05.2016:


Caetana é o nome de 1593 pessoas ao todo, em todo o Brasil, desde a década de 30 até os anos 2000, segundo dados do Nomes no Brasil/ IBGE (Censo 2010). O pico de registros se deu na década de 40 e o estado onde Caetana é mais frequente é em Pernambuco.




.